Nessie chinês: Possível monstro aquático chinês assusta aldeões em lago na China

Compartilhe...Share on Facebook4Share on Google+0Tweet about this on Twitter0

Nessie chinês filmado emergindo de lago em imagens assustadoras de telefone celular deixa testemunhas gritando de espanto.

 

Um “monstro” não identificado que pareceu levantar a cabeça da água antes de desaparecer de repente novamente, viraliza na rede.

Os rumores de um “Nessie chinês” são abundantes depois de relatos de que um monstro subaquático foi visto emergindo de um lago na China.

Acredita-se que os funcionários que trabalham no local vão investigar o fato, depois que a interessante filmagem do suposto monstro, ganhou o mundo.

 

O estranho vídeo que foi parar em mídias sociais se tornou viral rapidamente com mais de 5 milhões de visualizações.  As imagens granuladas mostram o que parece ser um animal (ainda desconhecido) que ganhou a alcunha de “Nessie chinês”.

Testemunhas do fato comentam e gritam, quando a “criatura” provoca ondulações intermináveis ​​na superfície do lago, que fica no condado de Luoping, na província de Yunnan, no sudoeste da China.

 

 

A “criatura” não identificada revela parte do que parece ser sua cabeça, mas desaparece rapidamente abaixo da superfície da água.

 

Os aldeões acreditam que o “animal” teria um corpo muito maior, mas eles não conseguiram dar uma boa olhada antes da criatura mergulhar de volta para o lago.

Os habitantes locais agora estão atentos as bordas do lago na esperança de detectar o Nessie chinês mais uma vez.

 

 

Funcionários do local estão investigando o incidente, e estão ansiosos para dissipar os boatos preocupantes, de que um monstro aquático habita o lugar.

Os moradores da aldeia disseram que o animal poderia ser um jacaré chinês (Alligator sinensis). No entanto, o réptil em extinção só vive no leste da China nas águas do rio Yangtze.

 

Um porta-voz do governo disse acreditar que as ondulações e a chamada “cabeça” da Nessie chinesa, nada mais eram do que sacos balançando na água. Porem os moradores não levaram muito a serio essa ideia.

 

Fonte: Tabloide Britânico Mirror

 

Curta nossa pagina oficial:

Recomendamos:

Deixe seu Comentário